MENU

sábado, 10 de outubro de 2015

Dicas para Gerenciar seu Tempo

Existe uma famosa frase que diz que tempo é dinheiro, só que, na época
em que vivemos, é muito mais do que isso. Tempo é algo precioso e
devemos administrá-lo para não perdê-lo.

Seja em casa, no trabalho, na faculdade, na vida pessoal, devemos não
só organizar o que iremos fazer como também encontrar maneiras para
que tais tarefas possam ser executadas com eficácia dentro do prazo
necessário. Confira algumas dicas que podem te ajudar a gerenciar seu
tempo.

Faça uma lista de prioridades
Por mais que você tenha mil coisas para fazer, dê prioridade às mais
urgentes e faça uma lista. Determine o tempo que irá usar para cada
tarefa e, conforme for realizando, elimine o item da lista. Se
possível, coloque as coisas mais difíceis no topo, assim, no fim do
dia, quando estiver cansado, fará as tarefas que tem mais habilidade
para realizar.

Evite distrações
Elas são as grandes vilãs na administração do tempo. Pequenos momentos
de distração podem acabar tomando muito tempo e, quando você ver, terá
acumulado tudo o que deveria ter feito e, para cumprir com suas
obrigações, acabará pegando "emprestado" o tempo que iria usar para
outras coisas.

Organize sua mesa
Com seus materiais devidamente organizados, você não perderá tempo
procurando documentos, pastas e relatórios. O mesmo vale para arquivos
no computador, separe pastas específicas e sempre nomeie os arquivos
de uma maneira que fique fácil achá-los quando precisar deles.

Dicas de organização pessoal

Tenha uma agenda
Organize suas tarefas pessoais como eventos importantes, ligações a
serem feitas, o prazo de pagar suas contas. Quanto mais organizada sua
vida pessoal, mais fácil administrar o restante.

Montando uma agenda informatizada

Evite filas
As tecnologias estão aí para nos ajudar a ganhar tempo. Quanto mais
coisas você puder resolver pela Internet ou telefone, o faça, assim
você evita ir até os locais, pegar filas e perder um tempo em que
poderia estar focando em suas tarefas ou tendo lazer com sua família.

Descanse
É extremamente importante que você planeje intervalos para desocupar a
mente, pois não adianta planejar todas suas tarefas e não estar
disposto a realizá-las, então, tenha intervalos para descanso, separe
algumas horas para lazer (nem que seja no fim de semana) e procure
dormir bem para não sobrecarregar a mente.

Conhecer sua rotina, organizar suas tarefas e administrar o seu tempo
te ajudará não só em seu trabalho, como também te trará mais qualidade
de vida. Além disso, é muito importante estar sempre por dentro de
todas as técnicas de coaching que podem te auxiliar no gerenciamento
de tempo.

Autor: Villela da Matta

Dicas para Gerenciar seu Tempo

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Qual a sua identidade?

Nós não temos dimensão do que é ser filho de Deus. Você consegue
imaginar quem você é?
Você sabe o que significa ser filho de Deus?

O mundo esta cheio de pessoas dizendo: "eu creio em Jesus", mas essas
pessoas também creem em um monte de outras coisas.

Muitas vezes ouvimos pessoas dizendo: "aquele fulano é iluminado", mas
a palavra nos ensina que iluminado são aqueles que se entregaram e
creram em Jesus.

Quantos crentes arrogantes, mal humorados, irados e gananciosos você conhece?

E esses são iluminados?

Aos olhos de Deus são pessoas que andam nas trevas. Eles não têm o
poder de gerar a luz.

Somente aqueles que se entregaram a Cristo são pessoas iluminadas.

Entregar-se a Cristo não é algo forçado, mas faz parte da natureza de Deus.

Ser bom moço, honesto e paciente são características naturais de quem
se entrega a Jesus.
Se EU me entreguei EU SOU tudo isso.

O texto é bem claro, aos que receberam e creram em nome de Jesus. Não
é um título ou um nome e sim da natureza de Deus.

Jesus disse: "Eu sou do pai e voltarei ao pai"

Crer é herdar a sua natureza e não o nome de Cristo.

Crer é ser chamado filho de Deus e receber como herança a natureza de Deus.

Ao crer você recebe a honra de ser filho de Deus e todos reconhecem a
sua identidade.

No mundo espiritual quando o inimigo quer te tocar, ele sabe que vai
tocar no filho de Deus.

Existem pessoas como medo dos principados e das potestades porque
ainda não tem entendimento da sua identidade. Ainda não entenderam que
são filhos de Deus.

Quanto você tem medo é porque não conhece a sua identidade na plano espiritual.

Desta forma, qualquer demônio, por menor que seja, consegue fazer
grandes estragos.
Saber que você é o filho de Deus não lhe dá o direito de se envaidecer
e se achar o cara.

É uma questão de confiança saber quem você é. Nos sentimos seguros e
não ficamos a mercê de qualquer coisa.

Diga para a crise que estamos vivendo: Crise você sabe quem eu sou?

Eu sou o filho do DEUS ALTISSIMO.

Saiba quem você é e pare de ficar sentindo algo ruim.

Qual a sua identidade

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Sem Desculpas

 

            As pessoas têm muitas razões para rejeitar o evangelho. Uma delas é o fato de os cristãos terem ou não feito algo. Esses críticos dizem: "Conheço um cristão que me tratou muito mal", ou "Quando fui à igreja, ninguém falou comigo". De fato, os cristãos não são perfeitos e muitos até podem ser maus exemplos. Mas culpar os outros não isenta uma pessoa de sua responsabilidade com Deus.

            A verdade contida nos evangelhos não depende da maneira como os outros vivem a sua fé. A salvação é obra exclusiva de Jesus. A carta aos Romanos 10:9 diz: "Se, com a tua boca, confessares Jesus como Senhor e, em teu coração, creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo".

            Algumas pessoas podem usar os cristãos como desculpa para rejeitar o evangelho. Mas certamente não poderão culpar Jesus, pois Ele não tem pecado e é perfeito em tudo. Pilatos disse sobre ele: "… nada verifiquei contra ele dos crimes de que o acusais" (Lucas 23:14). E Jesus fez o que ninguém poderia ter feito – sofreu a morte na cruz para dar salvação a todos os que creem nele. Esse fato torna difícil que alguém diga: "Não vou me tornar cristão porque não gosto do que Jesus fez".

            Não se desvie olhando para as falhas dos outros. Olhe para Jesus. Somente Ele é o caminho para o céu.

            VOCÊ JÁ RECONHECEU O VALOR DO SACRIFÍCIO DE JESUS POR VOCÊ?

 

FONTE:

J. David Branon


Sem Desculpas

"A esperança é tão importante para nós como a água para o peixe, tão vital como
a eletricidade para a lâmpada incandescente, tão essencial como o ar para um
avião a jato. A esperança é a base para a vida." (Charles Swindoll)

Uma vida não será nunca abundante se faltar esperança. Se as batalhas são árduas
e constantes, precisamos ter a esperança de que logo as venceremos. Se o
dinheiro está escasso e a situação nos incomoda, não podemos perder a esperança
de que tudo será diferente mais adiante. Se as enfermidades nos assolam, a
esperança de que a cura não tardará não pode nos faltar. Se os homens se
mostrarem falsos e não confiáveis, a esperança de que a mão do justo Senhor
sempre nos conduzirá deve ser motivo de alento e grande alegria.

A esperança não precisa de luz no fim do túnel, não precisa de um raio de sol
durante a tempestade, não precisa de uma circunstância favorável qualquer para
nos estimular. A esperança é companheira da fé, é amiga da paciência, é um
hábito de olhar mais para o alto que para baixo. A esperança é Cristo no
coração, consolando, animando, mostrando o caminho a seguir.

Ter esperança é andar com Jesus, é sorrir mesmo diante de situações aflitivas,
é agradecer quando tudo parece perdido, é amar a Deus quando estamos diante de
cada obstáculo.

Quando não temos esperança, não temos vida. Jesus é a Vida e é a nossa grande
esperança!

A Esperança é importante

Eu havia voado para Dallas com o único propósito de visitar um cliente. O tempo era de suma importância e meus planos eram ir e voltar para o aeroporto o mais rápido possível. Um táxi impecável parou. O motorista correu para abrir a porta do passageiro e certificou-se de que eu estava confortavelmente sentado antes de fechá-la. Quando se sentou atrás do volante, mencionou que o Wall Street Journal, cuidadosamente dobrado ao meu lado, era para o meu uso. Mostrou-me  então várias fitas de música e perguntou que tipo eu apreciava. Ora! Olhei ao meu redor para verificar se havia uma câmera do tipo Topa Tudo Por Dinheiro escondida. Você não faria o mesmo? Eu não podia acreditar no atendimento que estava recebendo.
-- Com certeza, você se orgulha bastante do seu trabalho -- disse para o motorista. -- Você deve ter uma história para contar.
Ele tinha.
-- Eu costumava trabalhar na Corporate America -- começou. -- Mas fiquei cansado de pensar que o melhor que eu podia fazer nunca seria bom o suficiente, rápido o suficiente ou devidamente valorizado. Decidi encontrar meu lugar na vida, onde pudesse sentir orgulho de ser o melhor que eu pudesse. Eu sabia que eu nunca seria um cientista, mas adoro dirigir carros, ser útil e sentir que fiz um bom trabalho no fim do dia.
Depois de avaliar seus recursos pessoais, decidiu ser motorista de táxi.
-- Não apenas um motorista de táxi comum -- continuou -- , mas  um motorista de táxi profissional. De uma coisa estou certo: para ser bom no meu trabalho eu poderia apenas corresponder às expectativas dos passageiros. Porém, para ser excelente no meu trabalho, tenho de superar as expectativas dos clientes. Gosto mais da sensação de ser "excelente" do que ficar apenas na média.
Será que lhe dei uma boa gorjeta? Pode apostar que sim. A Coporate America saiu perdendo, mas as pessoas que viajam saíram lucrando.

Uma lição de um milhão de dólares

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Mudando a História

            Hoje podemos telefonar e enviar e-mails para qualquer lugar do mundo e baixar imagens através do espaço em nossos computadores. Por isso é difícil imaginar a importância de um pequeno satélite.
            Com o lançamento do Sputnik 1 – o primeiro satélite artificial do mundo, pela União Soviética, em 1957, iniciou-se a Era Espacial Moderna e o curso da história mudou. Acelerou-se o desenvolvimento tecnológico, e o medo e a esperança se alternaram com relação ao significado daquilo.
            Mas há eventos que alteram o presente e o futuro e que ocorrem, às vezes, no anonimato. Foi isso o que aconteceu com o nascimento de Jesus – um bebê, nascido de um casal comum, numa pequena cidade. Esse nascimento, porém, mudou o curso da história. As palavras de um anjo ditas aos pastores começaram a se espalhar: “… é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor” (Lucas 2:11). E dezenove séculos mais tarde, Phillips Brooks escreveu a respeito de Belém: “As esperanças e os temores de todos os anos [séculos] se encontram em ti [Belém], nesta noite”.
            Quando abrimos nossas vidas para Cristo, o Senhor, e o reconhecemos como nosso Salvador, o curso da história de nosso futuro muda para sempre. Essas “boas-novas de grande alegria” (Lucas 2:10) são para todos, em qualquer lugar.
            A SUA HISTÓRIA JÁ ESTÁ COMPROMETIDA COM A PRESENÇA DE CRISTO?

FONTE:

David C. McCasland

Mudando a História

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Cante!

            Nossa casa fica perto de um parque, onde costumo caminhar todas as manhãs. Uma senhora de idade também passeia por ali, no mesmo horário. Ela caminha no sentido horário, e eu no sentido anti-horário, o que significa que nos encontramos duas vezes a cada volta. Seus olhos são amáveis e sua face já é cansada por causa da idade.
            Quando nos encontramos pela primeira vez em cada manhã, ela, que tem o mal de Alzheimer, pergunta: “Eu já cantei a minha canção?” E eu digo: “Não, senhora”. E então ela canta uma pequena canção sobre o sol: “Bom dia, senhor Sol…”, depois sorri e segue adiante.
            Assim cada qual segue o seu caminho – 180 graus em círculo – até que nos encontramos outra vez. Ela pergunta: “Eu já cantei a minha canção?” Eu lhe digo: “Cante-a de novo!” E ela o faz, e depois não consigo tirar a sua agradável canção da minha mente.
            Ela se tornou uma parábola do tipo de pessoa que quero ser – seguir meu caminho pelo mundo, cantando e tendo sempre uma melodia em meu coração, cantando sobre o Sol da Justiça que se levantou “… trazendo salvação nas suas asas…” (Malaquias 4:2), deixando atrás de si uma lembrança contínua de Seu amor.
            Que a canção divina esteja em seu coração e em seus lábios, hoje. E que muitos venham a ouvi-la e confiar no Senhor.
            HÁ UMA LINDA CANÇÃO DE AMOR A DEUS EM SEU CORAÇÃO?

FONTE:
David H. Roper

Pão Diário – Ministério RBC

Cante!