MENU

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Existem momentos de deserto em nossas vidas, os quais fazemos de tudo para não passar.

Ligamos para uns, escrevemos para outros.

Mendigamos por migalhas de amor e carinho, bastaria as vezes um afeto.
Nos enganamos, fingimos que as pessoas estão interessadas em nós quando na verdade centralizam tudo nelas mesmas.

Viramos objeto de cobiça, de endeusamento, de bajulação e por fim de maus tratos.
Tudo isso claro, com a nossa permissão.

Deixamos o outro invadir nossa vida, nossa mente, nosso corpo, nossa alma e espírito.
Nos violentamos por não aceitarmos o deserto, por não querermos ficar só.

Deserto, tempo de ficar só. O deserto é um lugar de escassez, onde os elementos vitais, como água e alimento, características básicas, quase não existem. Depende do ponto de vista, do ângulo que se olha. Deus nos ama e quer falar conosco, por isso nos leva a um deserto. Isso não parece antagônico?

Em um deserto não temos tempo pra vaidades, o que nos parecia fundamental sob a ótica do deserto vira futilidade. Basta o essencial, a palavra diz por si só: Essência.

Só há um deserto que não é bom na vida de uma pessoa: o deserto da quebra de valores, princípios, o deserto do pecado, da rebelião, do coração distante de Deus.

Deserto:
Tempo de ser alimentado só por Deus e não por homens.
Tempo de ouvir e não de falar.
Tempo de se dar tempo ao tempo.
Tempo de ser fortalecido e curado.
Sarado por Deus das mazelas que o mundo e o próximo nos causa.
Como é difícil ser amado!
Amar?
Amar é fácil. Você se entrega, se dá, torna as suas 24 horas em 48 h por esperar aquele telefonema, aquele torpedo...

Você não se importa com a saúde física nem mental, o corpo perece abatido.
Só que devemos lembrar que o alimentar do corpo e da alma não pode ficar a mercê do outro.

Lembremos que mesmo que o outro não nos queira, não nos ame, sobreviveremos.
Em meio ao deserto tem o oásis. Água fresca e palmeiras para sombrear tão forte sol.
Amor é algo que só é possivel doar quando se tem. Se o outro não tem pra si mesmo como vai ter pra nos ofertar?

Que possamos passar pelos desertos da vida sem perecer mas sairmos de lá mais fortalecidos.

Em paz conosco e com o universo.

Maria dirce barcelos

Deserto em nossas vidas

Como Um Jardim Regado

"O Senhor te guiará continuamente, e te fartará até em
lugares áridos, e fortificará os teus ossos; serás como um
jardim regado, e como um manancial, cujas águas nunca
falham" (Isaías 58:11).


Em visita a um grande amigo, certo homem discutiu com
veemência contra a instrução cristã que este dava a seus
filhos e declarou que estava determinado a não prejudicar
suas crianças dirigindo-as a qualquer tipo de religião para
que, crescendo e alcançando maturidade, pudessem escolher,
elas mesmas, o seu próprio caminho. O amigo, após ouvir os
argumentos do visitante, expôs seu pensamento que era
pertinente e suficiente para encerrar a questão: "Por que
prejudicar um jardim a favor de flores e frutas? Por que não
deixar a terra escolher jasmins e morangos?"


Ensinar nossos filhos a andarem no caminho do Senhor não
significa tirar-lhes a liberdade de escolher. Quando assim
agimos estamos, na verdade, demonstrando nosso amor e o
desejo de vê-los abençoados e protegidos por Deus. Se nós
temos experimentado a alegria da presença de Cristo em
nossos corações e sabemos que nEle encontramos a plena
felicidade, temos todos os motivos para querer o mesmo para
nossas crianças.


Sabemos que no Senhor nossos filhos aprenderão o valor de
uma vida santa e saudável. Eles serão dirigidos por Deus e
não desejarão tomar o atalho das drogas e das más
companhias. Terão prazer em louvar e adorar a Deus e suas
vidas refletirão o brilho do amor de Cristo em qualquer
ambiente em que se encontrem.


Quando toda a nossa casa serve ao Senhor, não há lugar para
angústias e tristezas. A harmonia e o amor iluminam cada
parte dela. Não existem terras áridas e improdutivas, mas um
jardim regado, florido e perfumado, que encanta e contagia a
todos que nela entram.


Procure ensinar aos seus filhos o caminho de Deus. Comece
pelo seu próprio testemunho. O futuro deles será muito
melhor.

Enviada por: rose mary gonçalves

Como Um Jardim Regado

Se você quer fazer sucesso


Um Grande evento evangélico será realizado neste sábado dia 24 de outubro na orla da Praia de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, é a marcha para Jesus 2009.

Vinte trios elétricos animados por bandas gospel participarão do evento entre eles a banda expresso louvadeira.

é estimado um publico de cem mil pessoas neste XVIII da Marcha para Jesus, este evento é realizado simultaneamente em
várias cidades do mundo.

A concentração está marcada para as 13h, no terceiro jardim. A marcha segue em direção ao Pólo Pina, onde terá um palco
para a apresentação de bandas religiosas.

Será um dia em que o corpo de Cristo estará unido, irá profetizar, louvar, dançar e declarar que Jesus Cristo é o
Senhor desta terra.

Local: Av. Boa Viagem Recife/PE
Data: 24 de Outubro
Saída do 3º jardim
Horário: 13h

Esperamos você lá na marcha para Jesus

marcha para Jesus 2009

Sete bons sinais de um amigo desejável

Um amigo desejável lhe diz a verdade em amor. "Leais são as feridas feitas pelo que ama, porém os beijos de quem odeia são enganosos" (Pv 27:6).

Um amigo desejável lhe dá bons conselhos. "Como o óleo e o perfume alegram o coração, assim, o amigo encontra doçura no conselho cordial" (Pv 27:9).

Um amigo desejável a refina. "Como o ferro com o ferro se afia, assim o homem, ao seu amigo" (Pv 27:17).

Um amigo desejável ajuda você a crescer em sabedoria. "Quem anda com os sábios será sábio, mas o companheiro dos insensatos se tornará mau" (Pv 13:20).

Um amigo desejável é chegado a você. "O homem que tem muitos amigos sai perdendo; mas há amigos mais chegados do que um irmão" (Pv 18:24).

Um amigo desejável ama e apóia voçê. "Em todo tempo ama o amigo, e na angústia se faz o irmão" (Pv 17:17).

Um amigo desejável é socorro em tempo de dificuldade. "Melhor é serem dois do que um, por que têm melhor paga do seu trabalho. Por que se caírem, um levanta o companheiro; ai porém, do que estiver só; pois, caindo, não haverá quem o levante" (Pv 4:9,10).

Se você tem amigos com essas qualidades, proteja essas amizades com orações. Se você tem amigos com qualidades nada desejáveis, precisa orar por eles também.


Sete sinais de um amigo indesejável

Um amigo indesejável é imoral e não tem consederação pelos outros. "Mas, agora, vos escrevo que não associeis com alguém que dizendo-se irmão, for impuro, ou avarento, ou idótara, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com esse tal, nem ainda comais" (1Co 5:11).

Um amigo indesejável é insconstante e instável. "Não te associes com os revoltosos. Porque de repente se levantará a sua perdição, e a ruína que virá daqueles dois, quem a conhecerá?" (Pv 24:21,22).

Um amigo indesejável está sempre irado. "Não te associes com o iracundo, nem andes com o homem colérico, para que não aprendas as suas veredas e, assim, enlaces a tua alma" (Pv 22:24,25).

Um amigo indesejável dá conselhos ímpios. "Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores" (Sl 1:1).

Um amigo indesejável é um incrédulo iniquo. "Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos; porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniquidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas? Que harmonia, entre Cristo e o Maligno? Ou que união, do crente com o incrédulo? (2Co 6:14,15).

Um amigo indesejável é um insensato. "Quem anda com os sábios será sábio, mas o companheiro dos insensatos se tornará mau." (Pv 13:20).

Um amigo indesejável é irreverente para com Deus e suas leis. "Companheiro sou de todos os que te temem e dos que guardam os teus preceitos" (Sl 119:63).

Se você tem amigos com características como essas, peça a Deus que lhe envie novos amigos e enquanto voçê ora para que os antigos sejam transformados.

(Extraído do livro O poder da mulher que ora)

Font: http://tarcisoares.blogspot.com

Amigos desejáveis x indesejáveis

Se o amor é o grau supremo de tudo o que se possa querer, riqueza e pobreza de amor se revelam em ti a partir de quê?
Há pessoas que são tão ricas que somente dinheiro não conseguem ter e há pessoas que são tão pobres que só dinheiro consigo tem a ver.

Há pessoas que têm uma riqueza ligada ao ato de sua própria fortaleza, beleza maior que encontra no seu ser.

Há pessoas que têm riqueza por uma forma de ser e de viver, por um jeito de falar, por uma maneira de se dar e de lidar, por uma forma humana e harmoniosa de compreender.

Existem pessoas que revelam uma pobreza que significa reportar sempre a si mesmo, mesmo o que a outros concernem por natureza, uma pobreza que se coloca como centro de tudo que o venha a acontecer e reivindica, pede, suplica quando não faz parte de algo importante que venha a acontecer, pobreza que revela no ser, pobreza de sem sentido viver, de não saber o que fazer.

Há pessoas que são tão ricas, tão ricas, que só não têm dinheiro, nem suficiente conseguem ter. Há pessoas que são tão pobres que só têm dinheiro e nenhuma beleza vai, nos atos que partem do seu ser.

Limites da natureza humana sempre com elas haverás de te haver. Qualquer que seja a natureza do limite, tu precisas administrar e saber a partir disso como viver e o que fazer, sem isto poderás te perder, poderás vir a ter, e tendo não saber o que fazer.

Poderás preencher os teus dias do que não faz sentido e no vazio te colocares a fazer de atos verdadeiros, desmentidos como se a vida fosse tão-somente o que concerne a teu modo de viver.

Se o amor é o grau supremo de tudo o que se pode querer, riqueza e pobreza de amor se revelam em ti, a partir de quê? Há pessoas que são tão ricas que somente dinheiro não conseguem ter e há pessoas que são tão pobres que somente dinheiro, consigo tem haver. Há uma riqueza que se revela numa maneira de tratar, num jeito de se dar e de lidar, uma forma de encarar a vida, de viver a alegria de viver.

Há uma pobreza que se revela em só olhar o mundo a partir de si e tão-somente de si querer enxergar, como si o que concernesse a outros não importasse, não quisesse nada para isso se interessar. Pobreza e riqueza no ser são coisas que tens de administrar e saber disso o que fazer para te superar ou nisso permanecer.

Pe. Airton Freire de Lima

Riqueza e pobreza