MENU

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Aproveite a vida

Mensagem ao professor

A você professor...
Que transmite conhecimentos e colabora para que seus alunos cresçam e desenvolvam suas habilidades e talentos, preparando-os para os desafios da vida.

A você professor...
Que renuncia um pouco de si a cada dia e não só ensina, mas também torna-se um eterno aprendiz diante de seus educandos.

A você professor...
Que dedica seu tempo para despertar a sabedoria, questionar a vida e mostrar a realidade.

A você professor...
Que abre as portas de um novo amanhã e colabora para que seus alunos alcancem seus objetivos, estimulando-os, compreendendo-os e comunicando-lhes saber.

A você professor...
Que tem a missão não só de ensinar conteúdos, mas de ensinar os caminhos da paz, da esperança, da coragem e do amor.

A você professor...
Que traz em suas mãos não só livros, cadernos, provas e trabalhos, mas também traz no coração a alegria, o dinamismo e a didática para transmitir conhecimentos.

A você professor...
Que busca através de seus ensinamentos não apenas gerar consciência crítica, mas auxiliar na formação plena do indivíduo.

A você professor...
Que com seu carisma faz desabrochar a ternura, a sensibilidade, o intelecto, a consciência cidadã e desperta a religiosidade em seus alunos.

A você professor...
Que quando semeia em terreno fértil, se encanta com a colheita e realiza-se ao perceber que tem indicado o caminho a muitos.

A você professor...
Que faz os alunos perceberem que são capazes não apenas de sonharem, mas de realizarem seus sonhos!

Por você professor...
Elevamos a Deus nossa prece de gratidão, pedindo que o abençoe hoje e sempre.


Parabéns professor pelo seu dia!



(Rosemary de Ross)

Mensagem ao professor

Com as lentes de Deus

Vi na televisão um programa destinado ao público infantil onde um
garotinho que usava óculos colou em cada uma das lentes um pedaço de
papel celofane azul, e saiu andando pela casa. A mãe o chamou para
almoçar, e lá foi ele sentar-se à mesa.
- Mãe, me dá um pouco desse arroz azul - ele falou olhando para a
travessa de arroz branco que a mãe acabara de colocar no centro da
mesa.
Era a visão que ele tinha detrás daquelas lentes improvisadas. Você
pode imaginar como um garotinho daquela idade estaria radiante por
poder ver o mundo inteiro azul.
A mãe riu e meneou a cabeça, enquanto lhe servia o almoço no prato.

Muitas vezes agimos como esse garotinho sem percebermos. Colocamos em
nossa visão as lentes da aflição, do medo, do desespero, da baixa
auto-estima, ou até mesmo uma lente muito escura que não nos permite
enxergar com clareza por onde estamos andando, e aí vamos caminhando
olhando o mundo sobre aquela lente que deturpa todas as imagens que
passam à nossa frente e não nos deixam enxergar a segurança, a paz, o
perigo daquela proposta ilusória, ou o valor que temos.
Precisamos jogar fora essas lentes sujas, quebradas, que empatam
nossas vidas e distorcem os valores e as alegrias às nossas vistas,
para colocar à frente de nossos olhos a lente de Deus que nos dá a
visão do ângulo pelo qual Deus vê os nossos problemas: de cima, tão
minúsculos e fáceis de serem resolvidos.
O perigo, o sofrimento, têm um limite, uma fronteira que não
precisamos atravessar. Mas essas lentes danificadas com que escolhemos
olhar a vida trazem para perto a obscuridade de trás daquele monte que
está bem longe de nós, lá do outro lado da fronteira, e a reproduz
como que ao nosso lado.
Tiremos agora a lente que está nos fazendo ver só o sofrimento.
Olhemos através da lente divina que enxerga a saída, a solução, a
esperança; para nos abrirmos às possibilidades e conquistas.
É possível vencer e conquistar ideais sim, se escolhermos olhar pela
lente de Deus que enxerga que é possível vencer! É possível viver um
grande amor e muitas felicidades, porque o amor existe e a felicidade
também! Depende unicamente da lente através da qual escolhermos olhar
para as nossas vidas.

No amor de Jesus,

Fonte: Jacqueline Collodo Gomes - Viva a Vida com Jesus -
http://www.vivavidacomjesus.com

Com as lentes de Deus